(41) 3122-2091 (51) 9-9920-7592

Variações climáticas devem afetar negociações de milho no Brasil

às
Nenhum comentário

Previsão para hoje é de cuidado nas negociações e preços mais sustentados

O mercado brasileiro de milho deve ter uma quarta-feira marcada por um cenário de cautela nos negócios e por preços mais equilibrados.

Diante da preocupação com a possibilidade de ocorrência de geadas na próxima semana, especialmente em regiões como Paraná, Mato Grosso do Sul e também no Paraguai, e com o clima seco em alguns estados produtores de safrinha, os vendedores estão diminuindo as fixações de venda do cereal.Já os consumidores têm feito compras mais pontuais enquanto esperam a entrada da safrinha no mercado.

Nesta terça-feira (10), os preços se apresentaram estáveis no mercado brasileiro de milho. No Porto de Santos, o preço ficou entre R$ 95,00 (compra) a R$ 97,00 (venda) a saca (CIF) para maio. Já no Porto de Paranaguá, a cotação ficou entre R$ 95,00/98,00 a saca para maio.
Em Cascavel, no Paraná, a cotação ficou em R$ 87,00/90,00 a saca. Na região de São Paulo, o preço foi de R $85,00/87,00, em Mogiana, e R$ 87,00/89,00 em Campinas.

No Rio Grande do Sul, em Erechim, o preço chegou a R$ 94,00/96,00 a saca e, em Uberlândia, Minas Gerais, valor chegou a R$ 80,00/82,00.
Já em Goiás, preço esteve em R$ 79,00/R$ 83,00 a saca em Rio Verde, e no Mato Grosso, o preço ficou a R$ 76,00/82,00 a saca em Rondonópolis.

O podcast Agrodinheiro desta terça-feira (10) abordou o as influências do clima na produção do milho.

Com informações da Safras e Mercados

Fonte: SBA

Itens relacionados